menu
Topo

Check-up VivaBem

Aqui boato não tem vez! Esclarecemos o que dizem por aí

Alongar antes do treino prejudica a performance?

Check-up VivaBem - Alongamento
Imagem: Priscila Barbosa/VivaBem

Zé Lúcio Cardim

Colaboração para o VivaBem

07/03/2018 04h00

A cena é clássica: a pessoa chega na academia e, antes de malhar, faz uma série de alongamentos. É indiscutível que esses exercícios são importantes para aumentar a flexibilidade e manter funcionalidades do corpo, como a boa mobilidade. Mas você já parou para pensar que esticar os músculos pode reduzir a força deles e prejudicar seu desempenho na atividade física? Sim, é verdade.

Por que alongar prejudica a performance?

O alongamento estático --aquele em você se mantém parado em uma posição durante alguns segundos, extendendo um grupo muscular -- atua negativamente na rigidez musculotendínea e no reflexo neuromuscular. Uma revisão de mais de cem estudos publicada no Scandinavian Journal of Medicine & Science in Sports confirma que isso diminui a força e a potência muscular. Outro trabalho científico mostrou que, após alongar, os atletas tiveram uma maior percepção de esforço no treino (sentiram que exercício ficou mais difícil), em comparação a quando não alongaram.  

"O alongamento pode ser realizado para o aumento da flexibilidade em outros momentos do dia. Mas, no pré-treino, as evidências mostram que ele é prejudicial para o desempenho”, explica Paulo Gentil, mestre em educação física, doutor em ciências e saúde, e professor da Universidade Federal de Goiás (UFG).

O que fazer antes do treino?

Ao iniciar uma atividade física, mais importante do que alongar é realizar um bom aquecimento. O aquecimento provoca diversas mudanças no organismo, como o aumento na temperatura muscular e maior recrutamento neuromuscular. "Esses fatores são preponderantes para a melhora na performance e a diminuição na ocorrência de lesões”, afirma Gentil.

Na musculação, uma maneira de preparar o corpo para o treino é movimentar por algum tempo as articulações que serão envolvidas no exercício --ou até mesmo executar uma série dele sem ou com pouca carga. Em esportes como corrida e ciclismo basta realizar a atividade em ritmo bem leve por 10 a 20 minutos. 

Alongar antes do exercício traz algum benefício?

"A ciência não comprova que alongar reduz o risco de lesão ou diminui dores muscular. O que ela mostra é que esse tipo de exercício no pré-treino ou prejudica o desempenho ou não o melhora em nada”, diz Danilo Balu, formado em esporte e nutrição pela Universidade de São Paulo (USP). 

Você deve estar se perguntando: "Então, por qual razão vejo tanta gente alongando antes da atividade física?". Como sabemos, o principal objetivo de grande parte das pessoas que treina em academias e parques é a saúde, não a performance. Para elas, que passam oito, nove horas na cadeira, tudo bem abrir mão de um pouco de desempenho ao alongar e garantir uma melhor flexibilidade e mobilidade. Até porque, se não alongarem ali, logo que chegam à academia, dificilmente farão isso em outro lugar.

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS

Facebook: https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy