Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Quantas vezes por dia realmente é necessário passar o fio dental?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Vivian Ortiz

Do VivaBem, em São Paulo

11/01/2018 04h03

Esta é uma questão polêmica. Algumas pessoas usam o fio dental três ou quatro vezes por dia, sempre que escovam os dentes. Outras apenas uma, antes dormir, quando estão sem pressa e podem caprichar na higienização bucal --e também tem aqueles que só utilizam o fio se algum pedaço de comida fica entre os dentes. Mas o que você deve fazer para manter sua boca sempre saudável e livre de problemas?

Por mais simples que possa parecer, o uso do fio dental tornou-se o centro de um debate sobre higiene bucal. Tudo começou quando o governo norte-americano removeu a indicação de uso diário desse item a partir da versão 2015-2020 da Dietary Guidelines for Americans, um conjunto de recomendações que os departamentos de Agricultura, Saúde e Serviços Humanos liberam a cada cinco anos. A justificativa foi que "a eficácia do fio dental nunca foi pesquisada, conforme necessário".

Veja também:

American Academy of Periodontology (Academia Americana de Periodontologia) respondeu que, na verdade, o uso de fio dental é uma parte importante da higiene bucal diária. Apesar de reconhecer que os estudos que demonstram isso costumam ser deficientes, a entidade acredita que "na ausência de pesquisa de qualidade, os pacientes devem continuar utilizando o fio dental como parte de seu hábito diário de higiene". 

American Dental Association (Associação Dental Americana) também divulgou um comunicado dizendo que os limpadores interdentais, como o fio dental, são "parte essencial do cuidado de dentes e gengivas". Ou seja: de acordo com especialistas no assunto, o fio dental é importante, sim.

Qual é a frequência ideal de uso?

Getty Images
Imagem: Getty Images

O fio dental deve ser utilizado preferencialmente antes da escovação, depois de cada refeição. Ou, no mínimo, uma vez ao dia, na escovação noturna. "Com ele é possível higienizar a face interproximal dos dentes, que corresponde a aproximadamente 35% da superfície dental, e não é alcançada pelas cerdas da escova", ressalta Sandra Kalil Bussadori, conselheira do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP). 

É bom lembrar ainda que este bom hábito deve se iniciar na infância, quando as crianças ganham os primeiros dentes de leite. O ideal é passar o fio em todos os sulcos gengivais até o último dente. Mas, atenção: para cada um deles, deve ser empregada uma parte nova do fio. A técnica deve ser individualizada diante da faixa etária, habilidades motoras e necessidades de cada um. Portanto, o melhor é consultar o dentista e aprender o melhor jeito para você.

Por qual motivo ele é útil?

iStock
Imagem: iStock

Helenice  Biancalana, diretora do Departamento de Prevenção e Promoção de Saúde da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas, explica que a não utilização do fio dental pode causar doenças, como mau hálito e gengivite, além de cáries. A gengivite, aliás, é o primeiro estágio de problema nas gengivas, que pode evoluir para a periodontite. A doença é uma inflamação das gengivas em combinação com a perda óssea. Quando não tratada, a periodontite pode levar à perda do dente.

Qualquer dentista consegue descobrir rapidamente quando um paciente não toca há tempos em um fio dental. Não usar o fio gera acúmulo de placa microbiana (restos alimentares) na região sub-gengival, o que causa vermelhidão, sangramento ao toque da escova e sinais de inflamação. Por isso, além de fazer bem seu trabalho em casa, não esqueça de marcar um check-up com o dentista no mínimo a cada seis meses.

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook: https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
BBC
do UOL
Estilo
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
Estilo
Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
Blog da Lúcia Helena
do UOL
VivaBem
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
Blog do Maurício de Souza Lima
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL

do UOL

Saiba quais cuidados você deve ter ao usar lentes de contato no verão

Sol, areia, mar, piscina, esportes ao ar livre. O verão é uma época cheia de diversões que ninguém quer perder de vista. No entanto, quem usa lentes de contato precisa tomar alguns cuidados para não sofrer com problemas que podem prejudicar a saúde dos olhos. Veja quando você deve redobrar a atenção ou até mesmo optar pelos óculos.    Em viagens de avião Não é errado usar lentes de contato quando você vai viajar de avião. Porém, é melhor retirá-las, principalmente em voos noturnos ou com mais de quatro horas de duração. Por causa do ar-condicionado da cabine, os olhos tendem a ficar ressacados e as lentes podem provocar desconforto, irritação, coceira e até dor. Antes de viajar, procure o seu oftalmologista para que ele indique um colírio lubrificante.   Veja também: Evite os erros mais comuns ao usar lentes de contato Mulher descobre que tinha 27 lentes de contato em um olho Câncer de pele que não tem nada a ver com o sol é comum no Brasil   Na hora de mergulhar Se não quiser tirar a lente para entrar na piscina ou no mar, use óculos de natação. Na água existem muitas bactérias que podem ficar na lente, aumentando o risco de uma infecção bacteriana, que pode causar úlceras de córnea, por exemplo. Além disso, o cloro utilizado nas piscinas também pode entrar em contato com as lentes e gerar algum tipo de irritação.    Ao praticar esportes  $escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/cuidados-ao-usar-lentes-de-contato-e-praticar-esportes-no-verao-1516050419643.vm')

do UOL
do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
Topo