Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Curte mar e piscina? Veja cuidados para evitar a otite neste verão

Thinkstock
Imagem: Thinkstock

Vivian Ortiz

Do VivaBem, em São Paulo

06/01/2018 04h05

Verão é época de se refrescar com banhos de mar e piscina. O tempo que passamos com os ouvidos dentro da água, no entanto, pode causar otite, doença inflamatória ou infecciosa que afeta a região. Isso porque o líquido impede a impermeabilização do conduto auditivo e permite a invasão de bactérias na pele.

Existem tipos de otite, de acordo com o local da inflamação. A que se relaciona com a umidade (causada pelo mar ou piscina) é chamada de otite externa, pois ocorre no conduto auditivo externo, onde fica a cera de ouvido.

Leia também:

 

Neste caso, a infecção pode ser causada por excesso de água nos ouvidos ou trauma local com qualquer tipo de objeto inserido na região para coçar ou "limpar", como hastes flexíveis, grampos e tampas de canetas, entre outros.

Outro tipo é a otite média (que ocorre do tímpano para dentro), mas essa infecção é causada por vírus ou bactérias associados a problemas respiratórios como rinites, sinusites, gripes ou resfriados.

Sintomas

O quadro costuma surgir com coceira, vermelhidão e leve dor no ouvido, podendo evoluir para inchaço, produção de secreção, dor intensa e, em alguns casos, pode ocorrer também zumbido e tontura. É normal que a audição no lado acometido seja reduzida.

Na maioria das vezes, isso acontece por acúmulo de secreção, descamação da pele inflamada ou edema do conduto. Mas se a falta de som continuar após o tratamento, o motivo precisa ser investigado por um otorrinolaringologista.

A polêmica do cotonete

iStock
Imagem: iStock

De acordo com todos os especialistas consultados pela reportagem, o cotonete deve ser evitado ao máximo. Isso porque remove a camada impermeabilizante que a cera dá ao conduto auditivo externo e causa microfissuras na pele do canal, o que pode levar a uma a infecção.

Além disso, ainda empurra a cera para próximo do tímpano (criando as famosas rolhas de cera). 

A coceira está enlouquecedora? Melhor consultar um otorrinolaringologista, para avaliar se há alteração do conduto auditivo ou alguma doença nasal que possa ser causa dela (como a rinite alérgica). No mínimo, o profissional vai retirar o excesso de cera da forma mais segura.

Dicas para passar longe da otite

  • Enxugar os ouvidos sempre com toalha limpa;
  • Evitar exposição prolongada do contato com a água, principalmente se for com impurezas ou cloro;
  • Não usar fones de ouvido intra-auriculares em excesso;
  • Quando resfriado ou gripado, use soro fisiológico para lavar as narinas várias vezes ao dia;
  • As otites médias podem ser prevenidas com tratamento de rinite, vacinas para bactérias específicas (haemofilos, pneumococias conjugadas, vacina da gripe, etc), boa alimentação e vida equilibrada;
  • Ao qualquer sinal mínimo de desconforto, procurar uma avaliação de um otorrinolaringologista para tratar e evitar problemas mais graves.

Fontes: Vinicius Tomadon Bortoli, otorrinolaringologista do Hospital IPO (Instituto Paranaense de Otorrinolaringologia); Dra. Maura Neves, otorrinolaringologista da Clínica MedPrimus, Otorrinolaringologista e Otologista da PartMed; Patrícia Araújo, Otorrinolaringologia pelo Hospital de Base (DF) e Roberto Debski, médico e diretor da Clínica Ser Integral, de Santos (SP). 

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook:
https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
Blog da Lúcia Helena
do UOL
VivaBem
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
Blog do Maurício de Souza Lima
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL

do UOL

Saiba quais cuidados você deve ter ao usar lentes de contato no verão

Sol, areia, mar, piscina, esportes ao ar livre. O verão é uma época cheia de diversões que ninguém quer perder de vista. No entanto, quem usa lentes de contato precisa tomar alguns cuidados para não sofrer com problemas que podem prejudicar a saúde dos olhos. Veja quando você deve redobrar a atenção ou até mesmo optar pelos óculos.    Em viagens de avião Não é errado usar lentes de contato quando você vai viajar de avião. Porém, é melhor retirá-las, principalmente em voos noturnos ou com mais de quatro horas de duração. Por causa do ar-condicionado da cabine, os olhos tendem a ficar ressacados e as lentes podem provocar desconforto, irritação, coceira e até dor. Antes de viajar, procure o seu oftalmologista para que ele indique um colírio lubrificante.   Veja também: Evite os erros mais comuns ao usar lentes de contato Mulher descobre que tinha 27 lentes de contato em um olho Câncer de pele que não tem nada a ver com o sol é comum no Brasil   Na hora de mergulhar Se não quiser tirar a lente para entrar na piscina ou no mar, use óculos de natação. Na água existem muitas bactérias que podem ficar na lente, aumentando o risco de uma infecção bacteriana, que pode causar úlceras de córnea, por exemplo. Além disso, o cloro utilizado nas piscinas também pode entrar em contato com as lentes e gerar algum tipo de irritação.    Ao praticar esportes  $escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/cuidados-ao-usar-lentes-de-contato-e-praticar-esportes-no-verao-1516050419643.vm')

do UOL
do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
do UOL
do UOL
Topo