menu

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Técnica que congela tumor da mama e dispensa cirurgia funciona?

Istock
Método pode ser uma esperança para pacientes que sofrem com a doença Imagem: Istock

Do UOL VivaBem, em São Paulo

2019-03-21T14:10:31

21/03/2019 14h10

Resumo da notícia

  • Vídeo que circula nas redes sobre tratamento contra câncer de mama é verdadeiro
  • A técnica criada permite que uma agulha bem fina seja introduzida na mama, destruindo o tumor e transformando-o em uma bola de gelo
  • O método dispensa uso de mastectomia ou quimioterapia
  • De acordo com o Ministério da Saúde, o método ainda não está disponível no Brasil

Um vídeo que circula na internet mostra um novo tratamento contra o câncer de mama desenvolvido por pesquisadores de Israel.

Conhecida como crioablação, a técnica introduz uma agulha muito fina no seio congelando o tecido lesionado e destruindo o tumor, sem afetar o tecido saudável ao redor. O método garante ainda que a cirurgia para retirada de tecido dos seios não precise ser feita.

De acordo com o Ministério da Saúde, as informações são verdadeiras, no entanto, o tratamento ainda não está disponível no país, como sugere uma mensagem que acompanha o vídeo em alguns compartilhamentos.

Alguns estudos já demonstraram sucesso no tratamento de lesões malignas e menores de 1 centímetro, com baixas complicações, porém, segundo o Ministério, o tratamento cirúrgico convencional e outras terapias são os mais indicados para tratar a doença. O órgão destaca ainda que são necessários mais estudos para assegurar a eficácia do método.

Incidência do câncer de mama*

Segundo estimativas do Inca (Instituto Nacional de Câncer), quase 60 mil novos diagnósticos são feitos a cada ano no Brasil, o que se traduz em um risco estimado de 56 casos a cada 100 mil mulheres. É bom lembrar que homens também podem ter câncer de mama, mas eles correspondem a apenas 1% de todos os casos.

Sinais e sintomas

Algumas mulheres podem não ter qualquer sintoma suspeito até descobrir que têm câncer. Porém, os mais comuns são:

  • Nódulo endurecido ou caroço (no seio ou na axila);
  • Irritação ou aparecimento de irregularidades em alguma parte da mama, como afundamentos ou franzidos que fazem a pele parecer com uma casca de laranja;
  • Inchaço na mama toda ou em parte dela;
  • Vermelhidão ou descamação da pele da mama ou do mamilo (bico do seio);
  • Saída de secreção pelo mamilo (que não leite);
  • Dor ou inversão do mamilo (quando o bico do seio fica para dentro).
*Informações retirada de matéria publicada em 04/09/2018.
SIGA O UOL VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook - Instagram - YouTube