menu
Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Suplementos de vitamina D não ajudam a ter ossos mais fortes, mostra estudo

iStock
Cientistas afirmaram que não há evidências de que você obtenha qualquer benefício ao tomar vitamina D Imagem: iStock

Do UOL VivaBem, em São Paulo

12/10/2018 12h53

Se você consome vitamina D preocupado com a saúde dos ossos, é melhor ficar atento. Um novo estudo mostrou que suplementar a substância não ajuda a prevenir fraturas, aumentar a densidade mineral óssea ou prevenir quedas em adultos. Os resultados foram publicados no jornal científico Lancet Diabetes & Endocrinology.

As conclusões foram compiladas após uma análise de dados de 81 ensaios clínicos que envolveram mais de 53 mil participantes. No fim da pesquisa, os cientistas concluíram que as diretrizes clínicas devem ser revisadas para desencorajar o uso dos suplementos de vitamina D.

VEJA TAMBÉM:

E aumentar a dose também não é uma boa ideia: a quantidade não fez diferença nos testes. Em estudos controlados usando doses altas e baixas, os pesquisadores não encontraram diferença significativa nos voluntários quando analisaram fraturas, quedas ou densidade mineral óssea.

Em entrevista ao The New York Times, o principal autor da análise, Mark Bolland, disse que poucas pessoas realmente precisam da suplementação da vitamina D, salvo aquelas com deficiência severa e risco de doença óssea grave, como raquitismo em crianças ou osteomalácia em adultos. Mesmo as mulheres com osteoporose após a menopausa têm níveis normais de vitamina D e provavelmente não se beneficiarão dela, segundo Bolland.

"Sabemos que, se seus níveis forem normais ou ligeiramente baixos, na faixa de 20 a 60 nanogramas por milímetro, não há evidências de que você obtenha qualquer benefício ao tomar vitamina D", concluiu em entrevista ao jornal americano. 

SIGA O UOL VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook - Instagram - YouTube