menu
Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Combinar antibiótico com outras drogas pode aumentar sua eficácia

iStock
Misturar antibióticos pode alterar sua efetividade Imagem: iStock

Do VivaBem

08/07/2018 15h01

A combinação de medicamentos nem sempre é bem-vinda na medicina, inclusive quando se trata de antibióticos. Dependendo da espécie bacteriana, algumas combinações impedem que essas drogas trabalhem em seu pleno potencial. Entretanto, um novo estudo, publicado na quarta (4) no periódico Nature, mostrou que alguns medicamentos combinados podem combater a resistência das bactérias aos antibióticos.

Os cientistas testaram cerca de 3.000 combinações de drogas em três diferentes bactérias causadoras de doenças. Enquanto muitas das combinações de drogas investigadas diminuíram o efeito dos antibióticos, mais de 500 misturas melhoraram o resultado do medicamento.

Veja também:

Gonorreia versus baunilha

Quando a vanilina, composto que dá à baunilha seu sabor característico, foi emparelhada com um antibiótico específico conhecido como espectinomicina, ela ajudou o remédio a penetrar nas células bacterianas e a inibir seu crescimento.

GETTY IMAGES
Uso excessivo de antibióticos apressa o surgimento de superbactérias resistentes Imagem: GETTY IMAGES

O espectinomicina foi originalmente desenvolvido para tratar a gonorreia, mas raramente é usado atualmente devido à resistência bacteriana que foi desenvolvida contra ele. No entanto, em combinação com a vanilina, ele pode se tornar clinicamente relevante novamente e usado para combater outros micróbios causadores de doenças. "Das combinações testadas, essa foi uma das sinergias mais eficazes e promissoras que identificamos", diz Ana Rita Brochado, principal autora do estudo. Combinações como essa poderiam estender o arsenal de armas na guerra contra a resistência aos antibióticos.

Efeitos em humanos

Segundo Athanasios Typas, coautor do estudo, as combinações de drogas que diminuem o efeito dos antibióticos também poderiam ser benéficas para a saúde humana. "No futuro, poderíamos usar essas misturas para prevenir seletivamente os efeitos nocivos dos antibióticos sobre as bactérias saudáveis. Isso também diminuiria o desenvolvimento da resistência aos antibióticos."

Mas Typas afirma que ainda são necessárias investigações em camundongos e estudos clínicos para testar a eficácia de combinações específicas de drogas em humanos.

Siga o VivaBem nas redes sociais
Facebook • Instagram • Youtube