menu
Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Mulher fratura ossos da face ao assoar o nariz

iStock
Imagem: iStock

Do VivaBem

07/07/2018 14h01

A órbita é a estrutura óssea que envolve e protege o olho. Geralmente, lesões nessa área envolvem socos e outros traumas faciais, mas parece um ato simples, como assoar o nariz, também está nos fatores de risco.

Em um artigo publicado no periódico BMJ, pesquisadores analisaram o caso de uma mulher de 36 anos que, há cerca de um ano, entrou no Hospital Universitário North Middlesex, em Londres, no Reino Unido, com sangramento no nariz, queixando-se de perda de visão e sentindo inchaço e dor extrema no lado esquerdo do rosto. Todos os sintomas apontavam para uma fratura orbital, mas tudo o que ela havia feito foi assoar o nariz.

Veja também:

“É muito bizarro. Vemos fraturas no olho de pessoas que sofreram traumas ou socos. Eu nunca ouvi falar de alguém que quebrou essa estrutura ao assoar o nariz”, disse Sam Myers, médico que tratou a paciente e coautor do artigo do BMJ.

De acordo com Myers, ela deve ter tido uma predisposição ou um enfraquecimento na área esquelética ao redor do corpo do olho, que simplesmente cedeu. A mulher também fumava cerca de 20 cigarros por dia, o que Myers diz que pode ter desempenhado um papel. "Se você fechar uma narina e soprar, às vezes essa pressão pode ser muito forte", explica o médico. "Mas é incrível pensar que a quantidade de pressão que ela liberou ao assoar o nariz foi igual a de um soco.”

Ainda assim, o caso da mulher acabou sendo relativamente simples de tratar: a fratura estava limpa, sua visão não foi afetada permanentemente e ela não precisou de cirurgia. Os médicos apenas receitaram analgésicos e instruções para evitar temporariamente assoar o nariz ou praticar esportes de contato e reduzir o tempo de fumar. Ela se recuperou bem desde o acidente, embora tenha relatado um efeito colateral prolongado: dor diária no lado esquerdo do rosto, que durou de 30 minutos a algumas horas.

O caso, no entanto, não deve assustar a população em geral. Myers enfatiza que assoar o nariz provavelmente não aumenta os riscos de fratura de órbita e que há poucas medidas preventivas diferentes de evitar fazer força demais na hora de desentupir as narinas.

Siga o VivaBem nas redes sociais
Facebook • Instagram • Youtube