Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Cientistas encontram o "momento certo" do dia para fazer quimioterapia

iStock
O horário certo para usar o remédio é quando seu organismo está ocupado fazendo o conserto do DNA danificado Imagem: iStock

Do VivaBem, em São Paulo

12/05/2018 16h42

Cientistas conseguiram determinar qual a melhor hora do dia para administrar a cisplatina, um medicamento comum usado na quimioterapia em pessoas com câncer. A descoberta promete melhorar a eficácia do tratamento e da vida do paciente.

Segundo pesquisa publicada na revista cientifica PNAS, o horário certo para usar o remédio é quando seu organismo está ocupado fazendo o conserto do DNA danificado.

Quer a notícia mais simplificada? Em ratos, estes momentos são antes do amanhecer e antes do anoitecer.

Veja também:

Mas como assim?

Todos os seres vivos têm um relógio biológico, e ele funciona regulando todas as atividades do organismo de acordo com as horas do dia. É esse reloginho que fala que de noite você dorme, de manhã acorda e que horas você precisa comer.

Nós sabemos muito sobre o funcionamento de alguns comandos do relógio biológico, mas outras tarefas, como o reparo do DNA, a gente não entendia direito e não sabia em que momento do dia ela ocorria.

Em casos de câncer, as células saudáveis do corpo sofrem uma mutação no DNA e se tornam células cancerosas, malignas. Por isso existe relação entre o período em que seu corpo trabalha para reparar este DNA com o melhor horário de administração de remédios contra a doença.

O remédio funciona melhor se for aplicado no instante em que seu corpo também está trabalhando no DNA alterado.

A cisplatina é um medicamento de quimioterapia amplamente utilizado no tratamento de muitos tipos de câncer, incluindo o de ovário, pulmão, bexiga e testículo. O remédio mata as células cancerígenas danificando o DNA, interrompendo o reparo do DNA e fazendo com que as células cancerosas cometam suicídio.

Infelizmente, a utilidade da droga é limitada por efeitos colaterais graves - em particular, é tóxica para o fígado, os rins, o cérebro e o resto do sistema nervoso. É daí que vem a importância de estabelecer a melhor hora do dia em que a droga tem o máximo de efeitos anti-câncer. Para que o medicamento funcione a todo vapor e não atrapalhe tanto a vida do paciente com efeitos colaterais.

Na pesquisa, os cientistas analisaram em ratos quais são os horários de reparo do DNA. O estudo foi o primeiro a conseguir mapear o reparo do DNA na totalidade do genoma de um mamífero nas 24 horas após o tratamento com cisplatina.

“Descobrimos que existem cerca de 2 mil genes diferentes e eles são reparados em momentos diferentes do dia”, disse o autor do estudo, Aziz Sancar, professor de bioquímica e biofísica na Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, em entrevista ao site Medical News Today.

A parte do dia em que o rato fica mais tempo ocupado reparando o DNA em tecidos saudáveis é antes do amanhecer e antes do anoitecer. Com essa informação, os pesquisadores acreditam que conseguirão unir forças para o tratamento contra o câncer em humanos, determinando o momento em que é interessante aplicar o remédio de acordo com a função que o corpo está desempenhando.

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook • Instagram • YouTube