menu
Topo

Longevidade

Práticas e atitudes para uma vida longa e saudável

Idosos devem beber mais água para colher benefícios cognitivos do exercício

iStock
Imagem: iStock

Do VivaBem

22/04/2018 14h46

A confusão mental, fraqueza e indisposição por desidratação é muito comum na terceira idade. Isso porque o idoso tem menos água no organismo que um adulto e ainda apresenta uma percepção da sede alterada. Mas além desses sintomas, a falta de água também pode reduzir os benefícios do exercício relacionados à saúde cognitiva, de acordo com um novo estudo.

Apresentada neste domingo (22) no encontro anual da Sociedade Americana de Fisiologia, na Califórnia, Estados Unidos, a pesquisa recrutou ciclistas amadores com idade média de 55 anos que participaram de um grande evento de ciclismo em um dia quente. Os ciclistas realizaram um teste de função cognitiva (conectando pontos numerados usando papel e lápis de forma rápida e precisa) antes e depois do evento. A ideia é que o teste avaliasse habilidades necessárias para planejar, focalizar, lembrar e realizar multitarefas.

Leia também:

A equipe de pesquisa testou a urina dos voluntários antes que eles se exercitassem e os dividiu em dois grupos: hidratação normal e desidratado. O grupo de hidratação normal apresentou melhora significativa no tempo de conclusão do teste de trilha após o ciclismo. O grupo de desidratação também completou seu teste mais rapidamente após o exercício, mas a redução do tempo não foi significativa.

"Isso sugere que os adultos mais velhos devem adotar comportamentos adequados de hidratação para reduzir a fadiga cognitiva e potencialmente melhorar os benefícios cognitivos da participação regular de exercícios", escreveram os pesquisadores.

Quanto tomar por dia

iStock
Imagem: iStock
Para idosos saudáveis, a recomendação é de 30 ml por quilo de peso corporal. Ou seja, em uma pessoa de 70 quilos, pouco mais de 2 litros ao dia são o suficiente. Mas a quantidade ideal varia muito, por isso deve ser avaliada individualmente, especialmente na terceira idade, quando tantas variantes entram em jogo.

Por exemplo, quem toma medicações para pressão alta e outras com ação diurética precisa caprichar na hidratação, pois elas fazem o corpo eliminar mais líquidos. O mesmo ocorre com moradores de regiões quentes e praticantes de atividade física.

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook • Instagram • YouTube