Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor

Thor da vida real: ele venceu a fibrose cística praticando atividade física

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Do VivaBem, em São Paulo

12/02/2018 15h49

Quem vê a semelhança de Ben Mudge com o personagem Thor não imagina o quanto ele se superou para começar a malhar e ficar com o corpo parecido com o do herói dos quadrinhos. E não era por falta de motivação que o britânico não fazia exercícios, e sim por causa de uma doença: a fibrose cística, que dificulta a realização de tarefas simples, como respirar.

O problema genético causa múltiplos danos nos órgãos do corpo, especialmente nos pulmões e no sistema digestivo, afetando as células que produzem fluídos no organismo, como suor, muco e sucos digestivos. Muitos desses líquidos, que atuam como lubrificantes no corpo, se tornam grossos e pegajosos nas pessoas com fibrose cística. Além de dificultar a respiração, a doença pode causar problemas com a digestão e dificultar o aumento do peso e o crescimento adequado.

Leia também:

Segundo informações da Mayo  Clinic, conceituado centro de saúde dos EUA, exercitar-se regularmente pode ajudar as pessoas com fibrose cística a melhorar a função cardíaca e pulmonar. No entanto, os pacientes têm dificuldade em aderir a uma rotina de atividades.

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram
Em entrevista ao jornal britânico “Independent”, Mudge conta que, aos 18 anos, teve uma infecção pulmonar por conta da fibrose cística. Quando ficou internado no hospital, os médicos disseram que sua capacidade respiratória era de apenas 66% --número baixo para um jovem. 

"Isso foi assustador. Nunca tive problemas com a respiração antes. Mas depois sentia que alguém estava espremendo o fundo dos meus pulmões fechados. Foi quando soube que precisava me exercitar ", afirmou ao jornal.

Mudge, então, aderiu à vida fitness para melhorar sua capacidade pulmonar e saúde em geral. E isso aconteceu. Hoje, quase 10 anos após a hospitalização, sua capacidade pulmonar é de 95%. Ele conta que, no início, apenas levantar uma barra era um desafio. 

A personalidade de Thor surgiu quando amigos na academia começaram a comentar que ele parecia o herói do quadrinho. Mudge decidiu deixar o cabelo crescer e aderir à personalidade do super-herói. "Deixar meu cabelo comprido para parecer mais como Thor definitivamente me manteve mais motivado e encorajado a continuar treinando", conta.

A história de Mudge é especialmente inspiradora para aqueles que vivem com fibrose cística. Ele disse que recebe centenas de mensagens de pessoas dizendo que as inspirou a assumir o controle de sua saúde.

"É incrível quando as pessoas me dizem que, só pelo fato de eu colocar fotos de como lido com a fibrose cística --mostrando a cicatriz no meu estômago e levando meus nebulizadores--, as deixo mais orgulhosas de ter fibrose cística", afirmou.

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS

Facebook: https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy