Viva Bem

Equilíbrio

Cuidar da mente para uma vida mais harmônica

Malhação na cama: veja como fazer sexo ajuda a melhorar seu corpo

Carolina Prado e Gabriela Guimarães

Colaboração para o UOL

08/11/2017 04h00

Se você não é muito fã de academia, uma --prazerosa-- alternativa para acabar de vez com o sedentarismo é transar. Apesar de não substituir um programa estruturado de exercícios, o sexo pode ser considerado uma atividade física, por fazermos movimentos de forma regular, ativando sistemas e músculos.

Tem alguma dúvida sobre a saúde do seu corpo? Mande sua pergunta para o e-mail pergunteaovivabem@uol.com.br que nós encontraremos os melhores especialistas para respondê-la.

Existem mais benefícios em transar do que você imaginava. Confira alguns deles!

Queima calorias

imagem: Getty Images

O gasto calórico durante o sexo depende da intensidade, duração e estimulação. Mas, em média, é possível perder 100 calorias, no caso dos homens, e 69 calorias, no caso das mulheres, durante 10 minutos no rala e rola. Essa diferença existe devido a questões hormonais, pois eles têm mais hormônios para queima calórica do que elas.

Mais esforço, mais gasto

imagem: Thinkstock

A intensidade do exercício está relacionada aos batimentos cardíacos. Portanto, posições sexuais que envolvam maior contração muscular, ou seja, em que a sustentação do corpo do parceiro ou do próprio corpo seja algo de difícil de manter, vão resultar em um maior gasto calórico. Ainda mais se a transa passar de 45 minutos.

Equivale a uma corrida

imagem: iStock

Sexo é uma atividade física, independentemente do tempo de duração. Podemos comparar o ato a uma corrida no parque, andar de bicicleta ou alguns minutos da musculação. Dependendo da intensidade, fazer 30 minutos de sexo podem valer por 15 minutos de corrida moderada, na velocidade de 6 a 7 km.

Tonifica os músculos

imagem: Getty Images

O sexo ajuda a fortalecer a musculatura corporal. Essa tonificação é mais notada pela repetição de movimentos para o mesmo grupo muscular. Tanto que uma boa transa faz você chegar à fadiga muscular, o que pode ser comparado a um treino de perna, por exemplo, ou até mesmo a um bom treino de abdômen.

Quem está no comando malha mais

imagem: Getty Images

Os músculos trabalhados dependem das posições sexuais. Um exemplo é o "papai e mamãe", quando o homem se posiciona por cima da mulher, que ativa 60 músculos femininos e até 200 masculinos. Quando a mulher está por cima e tem mais ação, são ativados 200 músculos dela e cerca de 100 dele.

Fôlego de campeão

imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Transar é similar a um exercício aeróbio: o sistema cardiorrespiratório é beneficiado pelo sexo, que ativa vários mecanismos do nosso organismo, aumentando os batimentos cardíacos, a circulação sanguínea e liberando mais glicose na corrente sanguínea.

Mais relaxamento

imagem: Getty Images

A atividade sexual é uma das mais eficazes para combater o estresse e manter o corpo relaxado, por conta dos hormônios liberados que proporcionam a sensação de bem-estar na mente e no corpo. Mas, para garantir esse benefício, o sexo precisa estar ligado ao prazer. Ou seja, ser feito quando você quer e com quem você quer.

Fontes: Henrique Gugel De Oliveira, coordenador do curso de Educação Física da Universidade Anhanguera. Paula de Toledo Cardoso, educadora física do Hospital Israelita Albert Einstein. Renato Cazula, educador físico.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao