Saúde

Sintomas, prevenção e tratamento de doenças

Existe um sintoma da depressão que poucas pessoas conhecem

iStock
Imagem: iStock

Do UOL

31/10/2017 12h45

Tristeza é geralmente o único sintoma que vem à mente quando se pensa em depressão. Mas a doença pode se manifestar de diversas outras maneiras --e identificar seus sinais é o melhor caminho para um tratamento eficaz.

Um estudo publicado na revista "Psychological Science" mostrou que um dos sintomas pouco conhecidos da doença é a capacidade de diferenciar emoções negativas como culpa, raiva e frustração.

Para realizar a pesquisa, os cientistas analisaram indivíduos diagnosticados ou não com depressão e pediram para que eles relatassem suas emoções ao longo de uma semana.

iStock
Não é só tristeza: incapacidade de diferenciar emoções negativas pode ser um sinal de depressão Imagem: iStock

Os participantes tinham que dizer quais dos 11 sentimentos citados sentiam. Enquanto as emoções positivas eram de felicidade, animação, sensação de alerta e se sentir ativo, as negativas incluíam tristeza, ansiedade, irritabilidade, frustração, vergonha, nojo ou culpa.

O estudo concluiu que as pessoas com depressão não conseguiram diferenciar as emoções negativas. Quem não tinha a doença, no entanto, conseguiu entender cada um de seus sentimentos.

No caso das emoções positivas, tanto os pacientes deprimidos quanto os não deprimidos fizeram a diferenciação com clareza.

Para Emre Demiralp, um dos autores do estudo, ser específico sobre os sentimentos pode ser um bom indicativo do estado da saúde mental. Em uma declaração no "The Independent", ele aconselhou as pessoas a evitarem dizer apenas que estão se sentindo mal, e sim especificar qual sensação é mais proeminente: “É raiva, vergonha, culpa ou alguma outra emoção? Isso pode ajudá-lo a contornar essas emoções e a melhorar sua vida.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
Agência Estado
Agência Estado
Blog do Maurício de Souza Lima
do UOL
BBC
Saúde
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Agência Estado
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
Topo