Saúde

Sintomas, prevenção e tratamento de doenças

Há um novo diabetes e ele está sendo erroneamente diagnosticado como tipo 2

iStock
Imagem: iStock

Do UOL

24/10/2017 10h01

Já estamos bastante familiarizados com o diabetes tipo 1 e 2, mas você já ouviu falar no tipo 3c?

No tipo 1, que geralmente começa na infância ou no início da idade adulta e quase sempre precisa de tratamento com insulina, o sistema imunológico do corpo destrói as células do pâncreas que produzem insulina.

O diabetes tipo 2, no entanto, ocorre quando o pâncreas não consegue acompanhar a demanda de insulina do corpo. Muitas vezes é associado ao excesso de peso ou à obesidade e geralmente começa na idade média ou velhice, embora a idade de início esteja diminuindo.

Já o tipo 3c é causado por um dano no pâncreas, talvez por uma pancreatite, um tumor ou uma cirurgia. Esse estrago não somente prejudica a habilidade do órgão de produzir insulina, mas também de produzir as proteínas necessárias para digerir alimentos (as enzimas digestivas) e outros hormônios.

Frequentemente diagnosticada erroneamente como diabetes tipo 2, o 3c demanda insulina de seus portadores e, diferentemente dos outros tipos da doença, também se beneficia do consumo de enzimas digestivas, que podem ser encontradas no formato de tabletes.

iStock
Diabéticos do tipo 3c também precisam de insulina, assim como o consumo de enzimas digestivas Imagem: iStock

Em adultos, novo diabetes é mais comum que o tipo 1

Especialistas e pesquisadores estão preocupados que essa variedade da doença seja muito mais comum do que se previa e muitos casos não estão sendo corretamente diagnosticados. Por essa razão, eles analisaram dados de saúde de mais de 2 milhões de pessoas na Inglaterra e descobriram fatos alarmantes.

Em adultos, o diabetes tipo 3c é mais comum do que o tipo 1; quem tinha a nova variedade da doença precisava de cinco a 10 vezes mais insulina do que quem tinha o tipo 2; a doença geralmente ocorreu após uma década do dano no pâncreas.

Esse longo atraso pode ser uma das razões pelas quais os dois eventos geralmente não são considerados vinculados e o diagnóstico de diabetes tipo 3c está sendo negligenciado.

Identificar corretamente o tipo de diabetes é importante, pois ajuda a selecionar o tratamento correto.

Várias drogas usadas para diabetes tipo 2 podem não ser tão eficazes no diabetes tipo 3c. O diagnóstico incorreto, portanto, pode desperdiçar tempo e dinheiro, já que expõe o paciente a tratamentos ineficazes e a altos níveis de açúcar no sangue.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
Agência Estado
Agência Estado
Blog do Maurício de Souza Lima
do UOL
BBC
Saúde
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Agência Estado
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
Topo