VivaBem

Cerca de 80% dos casos de esquizofrenia têm origem genética

iStock
Imagem: iStock

Do UOL

06/10/2017 11h48

A cada cinco casos de esquizofrenia, quatro têm causa na herança genética. A descoberta é de cientistas da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, que analisaram informações coletadas de mais de 30 mil pares de gêmeos, entre 1951 e 2000.

Tem alguma dúvida sobre a saúde do seu corpo? Mande sua pergunta para o e-mail pergunteaovivabem@uol.com.br que nós encontraremos os melhores especialistas para respondê-la.

Gêmeos são uma maneira sólida de determinar se uma condição foi herdada na concepção ou se é resultado de outros fatores ambientais. Isso porque os monozigóticos, ou seja, os gêmeos idênticos, herdam as mesmas características genéticas de seus pais. Quando comparados aos dizigóticos (não idênticos), pode-se ter uma forte indicação se o problema foi causado por genes ou algo no ambiente em que eles se desenvolveram.

“Esse estudo tem a estimativa mais confiável da hereditariedade da doença e sua diversidade de diagnósticos”, disse o pesquisador Rikke Hilker. Os cientistas calcularam duas estimativas, já que a esquizofrenia, assim como o autismo, tem diversos sintomas e tipos. Mas em uma definição mais ampla, a herança genética determinou a condição em 79% dos casos.

Além disso, a pesquisa, publicada no periódico “Biological Psychiatry”, também mostrou que é com cerca de 29 anos que os sintomas se tornam mais significativos para que seja feito o diagnóstico preciso.

Os genes já foram ligados à esquizofrenia anteriormente, mas essa descoberta recente é mais precisa e representa um importante passo para saber as causas da doença.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais VivaBem

Topo