menu
Topo

VivaBem

Pouco mais de 2h semanais de qualquer exercício já beneficiam sua saúde

iStock
Não é só academia, como exercício também vale fazer ioga e até limpar a casa Imagem: iStock

Do UOL, São Paulo

24/09/2017 11h28

Já é de conhecimento geral que atividades físicas melhoram nossa saúde. Sabemos que precisamos nos afastar do sedentarismo e dar uma chance para os exercícios, e essa missão pode ser mais fácil do que parece.

Tem alguma dúvida sobre a saúde do seu corpo? Mande sua pergunta para o e-mail pergunteaovivabem@uol.com.br que nós encontraremos os melhores especialistas para respondê-la.

Um estudo publicado no jornal científico The Lancet mostrou que 150 minutos de exercício por semana já podem reduzir os riscos de doenças cardiovasculares e que todo tipo de atividade física é igualmente positivo para o coração.

“Nossas descobertas indicam que atividades não recreativas, como tarefas domésticas por exemplo, são tão benéficas na redução de riscos de morte prematura e doenças cardíacas quanto exercícios mais focados”, afirmou Scott Lear, autor da pesquisa e professor na Universidade de Ciências e Saúde do Canadá, em entrevista ao site Vox.

É isso mesmo: limpar o chão da sua casa ou caminhar no seu horário de almoço por cerca de meia hora ajuda a evitar graves problemas de saúde.

O estudo avaliou por sete anos os níveis de exercício e as taxas de doenças cardiovasculares de mais de 130 mil adultos que vivem em diferentes países, como Canadá e China. Os cientistas descobriram que aqueles que relataram ao menos 150 minutos de atividade física por semana eram muito mais saudáveis do que os sedentários, sendo menos propensos a ter ataques cardíacos, derrames e doenças cardiovasculares, e com menores chances de morrer de outras causas físicas.

Além disso, se exercitar por duas horas e meia por semana foi associado a uma redução de 28% nas chances de morte prematura e diminuição de 20% nos casos de doenças cardíacas.

Resumindo, não importa onde você está suando, se é na academia, correndo no parque, limpando a casa ou caminhando até o trabalho, o importante é se manter ativo.

Mais VivaBem