menu
Topo

Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor

7 alimentos que você guarda na geladeira, mas não tem necessidade

Getty Images
Imagem: Getty Images

Carolina Prado

Colaboração para o UOL

25/08/2017 04h00

Para alguns alimentos, a baixa temperatura é o mais indicado --é o caso do leite e certos derivados, além das carnes. Mas, para outros, a geladeira não o melhor local de armazenamento, porque altera características importantes do alimento. Veja a seguir sete itens que deveriam sair da prateleira do seu refrigerador.

1) Cebola

Getty Images
Imagem: Getty Images

É muito melhor conservada em ambientes secos e escuros, como na despensa ou em caixas de madeira. Se guardada na geladeira, após algum tempo, a cebola perde a crocância e murcha. Só é uma opção refrigerar, se ela já estiver picada. Nesse caso, deve ficar em um recipiente fechado, que deve ser seco toda vez que aparecer água evaporada na tampa. Esses respingos facilitam o aparecimento de fungos.

2) Alho

Getty Images
Imagem: Getty Images

Sobrevive muito bem fora da geladeira, em local com boa ventilação. Quando refrigerado, pode ter sabor alterado e, assim como a cebola, corre o risco de mofar, caso não seja armazenado corretamente. Agora, se ele já foi picado, vale a regra do tempero-irmão: conserve na geladeira em pote com boa vedação.

3) Pão de forma

Getty Images
Imagem: Getty Images

Na geladeira ele dura mais, mas fica ressecado, com textura e sabor menos agradáveis. Se conseguir consumir até a data de validade do fabricante, guarde-o na própria embalagem, em lugar seco e arejado. Se a ideia é ter pão por mais tempo, melhor congelar. Quanto mais fresco ele for para o freezer, melhor. Para consumir, é só ir direto do congelador para o forno ou torradeira.

4) Batata

Leonardo Soares/UOL
Imagem: Leonardo Soares/UOL

Com a umidade da geladeira, o amido se transforma em açúcar e altera o sabor, a textura e a cor da batata. Por isso, é melhor manter esse alimento em local fresco, de preferência escuro, para que não apareçam brotos. Uma opção é deixar dentro da despensa, em uma caixa de madeira, em saco de juta ou de papel. Esse último deverá permanecer aberto.

5) Café

Getty Images
Imagem: Getty Images

Você já deve ter ouvido a dica: para tirar o cheiro forte da geladeira, é só colocar um pouquinho de café em pó em um recipiente aberto e deixá-lo lá dentro. O pó absorve os odores. E é exatamente por esse motivo que ele deve ficar longe do refrigerador. Conserve em um pote hermético, dentro da despensa.

6) Mel

Getty Images
Imagem: Getty Images

Esse alimento não estraga do lado de fora da geladeira. Mas ao ser refrigerado, modifica a textura por completo: se torna mais espesso ou cristaliza, por conta da pouca água na composição. O ideal é conservá-lo na embalagem original, bem fechada, em temperatura ambiente.

7) Algumas frutas...

Getty Images
Imagem: Getty Images

Quando armazenada em temperaturas baixas, a casca da banana escurece e a textura da fruta se modifica. Frutas que amadurecem depois de colhidas, como melão, caqui, abacate, mamão e abacaxi, maturam melhor à temperatura ambiente, que é adequada para as enzimas envolvidas neste processo. Porém, depois de cortadas e se não forem consumidas imediatamente, devem ir para a geladeira, para não sofrerem rápida deterioração.

Quem deu as informações: Alessandra Lopes de Oliveira, engenheira de alimentos e professora da USP. Cynthia Jurkiewicz Kunigk, pesquisadora do Centro de Pesquisa em Alimentos da USP. Carmen Silvia Favaro Trindade, engenheira de alimentos e professora da USP, Campus de Pirassununga. Marcelo Lanza, engenheiro de alimentos, professor da Universidade Federal de Santa Catarina.