Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor

Cientistas criam banana transgênica que ajuda no crescimento e na visão

Queensland University of Technology
A banana dourada (a cima) é mais amarela que a fruta que estamos acostumados Imagem: Queensland University of Technology

Do UOL, em São Paulo

18/08/2017 20h28

Sabemos que a banana é uma fruta nutritiva e sempre uma ótima pedida para encher a barriga na hora da fome. A novidade é que ela pode melhorar e até salvar vidas.

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, desenvolveu uma banana transgênica com 20 vezes mais betacaroteno do que as normais. A substância é importante para o organismo, pois é transformada em vitamina A quando consumida e ajuda no crescimento, na visão, na formação dos dentes e na renovação celular.

Segundo os cientistas, a deficiência de vitamina A é um dos principais problemas de saúde pública do mundo, apesar das estratégias de fortificação de alimentos e suplementos e, por isso, a criação é de extrema importância.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) estima que 190 milhões de crianças pré-escolares têm deficiência de vitamina A. Além disso, o líder da pesquisa, James Dale, afirmou que de 650 a 700 mil crianças morrem a cada ano no mundo pela deficiência, além de outras centenas de milhares que, pela falta da vitamina, ficam cegas.

A fruta transgênica demorou 12 anos para ser criada, é mais amarela que a que estamos acostumados e foi batizada de “banana dourada”. O projeto teve ajuda de 10 milhões de dólares da Fundação Bill & Melina Gates e do departamento de desenvolvimento internacional do Reino Unido.

Para criação, Dale conta que usou a banana Cavendish, o tipo mais comum, integrando a ela genes da Fe’i, famosa pelo alto teor de betacaroteno e originada na Papua-Nova Guiné.

Ainda será preciso alguns retoques finais para que a banana dourada fique mais resistente e produtiva, mas os genes já foram enviados para Uganda em tubos de ensaio para o início de testes de campo no país. A ideia é espalhar o projeto pela África, onde o problema da fome existe em maiores proporções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
Chef Funcional
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
do UOL
Blog Marcio Atalla
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
Blog Nutrição sem neura
Chef Funcional
Blog da Lúcia Helena
Blog da Verônica Laino
Blog da Georgia Castro
Chef Funcional
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
Blog Marcio Atalla
Blog da Lúcia Helena
do UOL
Chef Funcional
Blog Nutrição sem neura
do UOL
do UOL
Blog da Verônica Laino
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
Blog da Georgia Castro
Chef Funcional
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
BBC
Blog da Lúcia Helena
Blog Marcio Atalla
do UOL
Topo