VivaBem

Cansaço e muita fome podem indicar pré-diabetes e precisam ser investigados

Getty Images
Imagem: Getty Images

Anna Fagundes

Do UOL

19/06/2017 04h00Atualizada em 23/06/2017 22h06

Uma alimentação desequilibrada é um dos fatores responsáveis por elevar o nível de açúcar (glicemia) no sangue. A falta de atividade física também pesa contra. E por que é tão importante ficar de olho nessa taxa? Quando está alta demais, a glicemia pode indicar um quadro de pré-diabetes ou até mesmo do diabetes.

Estes dois problemas só são diagnosticados com a confirmação de exames mais específicos, como a insulina e hemoglobina glicada, mas é preciso ficar alerta. Nosso corpo pode dar sinais - às vezes bem comuns, como o cansaço - de que o açúcar sanguíneo está alto demais e é preciso buscar um médico. Veja a seguir quais são eles e, na presença de um ou mais sintomas, é de suma importância realizar uma avaliação médica para investigar a causa do problema. 

Fontes consultadas: nutrólogo e clínico geral Roberto Navarro e a nutricionista Clarissa Fujiwara, da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade).

1- Canseira que não passa

Quando o nível de açúcares no sangue está alto, acontece algo curioso: a produção de insulina no corpo não dá conta de processar toda a glicose que recebe e, por isso, a substância não entra nas células como deveria. Conclusão: falta energia para fazer as atividades cotidianas e o resultado é mais cansaço.

2- Sede constante e vontade de urinar

Esse é um ciclo vicioso: a glicose que não é processada pelo corpo precisa ser excretada de alguma maneira para que o organismo possa se reequilibrar. Isso resulta em uma vontade constante de fazer xixi. A perda de fluidos, por sua vez, faz com que a pessoa sinta cada vez mais sede. 

3- Fome que só aumenta

Do nada, você virou aquela pessoa que mal terminou o almoço e já está pensando no lanchinho da tarde?  É hora de conversar com seu médico. Fome constante costuma ser um dos sinais de diabetes justamente pela incapacidade do corpo para administrar a glicose. Como a energia não entra nas células, o organismo acaba interpretando que precisa de mais comida para se manter funcionando - daí a fome que parece que não passa.

4 - Alterações na pele

Em algumas pessoas, manchas escuras na pele (em especial em áreas como virilhas e axilas) podem ser um sinal de uma resistência à insulina - que pode acabar se transformando em diabetes.

5 - Dificuldade para se concentrar

O cérebro é um dos órgãos que mais consomem  energia no corpo humano - e se ela está em falta no organismo, é natural que ele também sinta os efeitos. Os resultados são dores de cabeça e até mesmo uma certa dificuldade para prestar atenção no que se está fazendo.

6 - Infecções urinárias

Um nível de açúcar alto no sangue por muito tempo leva a um desequilíbrio no sistema imunológico - o que, por sua vez, facilita o aumento de infecções no corpo. Infecções urinárias, por exemplo, por vezes aparecem como um sintoma do excesso de açúcar no sangue (hiperglicemia).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais VivaBem

Topo