Saúde

Sintomas, prevenção e tratamento de doenças

Será que você está grávida? Veja 10 sintomas comuns no início da gestação

Arte UOL
Imagem: Arte UOL

Gabriela Ingrid

Do VivaBem, em São Paulo

24/11/2017 04h10

A camisinha estourou, a pílula não foi tomada com regularidade ou a relação sexual foi desprevenida. Diversos motivos podem fazer você ficar com uma pulga atrás da orelha e achar que está grávida. Mas, antes de se desesperar, olhe bem para o seu corpo.

“Tem pacientes que chegam na gestação avançada, com cinco ou seis meses, e ainda não sabem que engravidaram”, diz Priscila Cury, ginecologista e obstetra da Maternidade Pro Matre Paulista. “Claro que há falta de informação ainda, mas muitas mulheres negligenciam os sintomas. É preciso se atentar ao corpo e aos acontecimentos.”

Muitas vezes confundidos com a TPM, os sinais da gravidez podem ser mais difíceis para identificar do que parecem, de acordo com o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli. No entanto, quando observados em conjunto, podem significar o início de uma gestação. Confira a seguir cada um deles e tire suas dúvidas de uma vez por todas. De acordo com o médico, se algum aparecer, faça o teste de farmácia e procure um ginecologista.

10 sintomas que indicam uma gravidez

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Atraso menstrual

    Quem tem o ciclo regular, um atraso de um ou dois dias já deve ser considerado suspeito, segundo Priscila. Neste caso, um teste de farmácia pode tirar a dúvida. Ele mostrará alteração já no primeiro dia de atraso.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Sangramento não habitual

    Antes do atraso menstrual ainda pode ocorrer um sangramento anormal, conhecido como sangramento de implantação. Quando o espermatozoide fecunda o óvulo e este se prende ao revestimento do útero, pode causar um sangramento leve, que pode ser confundido com a menstruação. Mas isso acontece bem no início da gravidez, nos primeiros dias. Caso ocorra depois desse período, pode significar uma ameaça de aborto e deve ser investigado, analisado e realizado exames necessários.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Inchaço e hipersensibilidade nas mamas

    Por conta das alterações hormonais (as produções de estrógeno e progesterona se elevam), os seios ficam mais inchados e sensíveis, mesmo no comecinho da gravidez. É seu corpo preparando-os para a amamentação.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Enjoo matinal e alteração de apetite

    Talvez esse seja o sintoma mais conhecido popularmente, depois do atraso na menstruação. Novamente, o aumento dos hormônios (dessa vez o HCG) é o culpado. Sentir cheiros fortes ou até certos tipos de alimentos já provocam ânsia.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Prisão de ventre e inchaço abdominal

    O HCG, conhecido como hormônio da gravidez, também altera o funcionamento do intestino e estômago, deixando-os mais relaxados, de acordo com Priscila. Isso faz com que eles trabalhem mais devagar, causando prisão de ventre e deixando a digestão mais lenta.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Cefaleia

    Olha os hormônios aí de novo. A alteração é tanta no início da gravidez que causa dores de cabeça.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Cansaço e fadiga

    Seu corpo está fabricando um bebê e para isso se esforça mais do que o normal, causando sono e cansaço. Nessa fase, é normal a mulher sentir muito sono e exaustão.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Vontade frequente de urinar

    O aumento da progesterona faz com que a grávida tenha mais vontade de fazer xixi, já que filtra uma quantidade maior de liquido, segundo Priscila. Algumas até acordam à noite para ir ao banheiro.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Cólicas

    Lembra da confusão comum dos sintomas da gravidez com a TPM? Esse é um deles. Assim como o sangramento anormal, a cólica pode confundir a mulher. Quando o embrião invade o endométrio, algumas sentem dores pélvicas. Existem até relatos de pacientes que vão ao hospital por causa da dor. Segundo a médica, é comum a mulher achar que vai menstruar em breve, já que está sentindo cólica, mas no fim das contas é uma gravidez acontecendo.

  • Imagem: Arte UOL
    Arte UOL
    Imagem: Arte UOL

    Mudanças de humor

    Seu corpo está alterando os hormônios para se preparar para um bebê. Isso pode fazer com que suas emoções fiquem confusas e exageradas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Cintia Cercato
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Agência Estado
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
Agência Estado
do UOL
Agência Estado
Blog da Lúcia Helena
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Topo